ALCÁCER do SAL: 17 sítios TOP a VISITAR ! (2021)

Conhece Alcácer do Sal? Passar pela ponte de carro (a caminho do Algarve) e avistar ao longe o vulto do castelo não é conhecer Alcácer! Neste artigo vamos dizer-lhe tudo o que não pode perder em Alcácer!

ALCÁCER DO SAL

É uma povoação ainda muito tradicional, com uma silhueta medieval que é preciso descobrir a pé. Lá ainda podemos encontrar vielas estreitas que são o que resta da vila medieval. Passou a cidade em 1997 e é hoje uma das mais pequenas cidades do país. O nome de Alcácer do Sal deve-se às imensas salinas existentes na zona e que, como todos sabem, desempenharam um importantíssimo papel na conservação dos alimentos num passado já distante.

ALCÁCER DO SAL, ALENTEJO
ALCÁCER DO SAL, ALENTEJO

QUER SENTIR A ALMA DE ALCÁCER DO SAL?

Estacione o carro, largue o telemóvel e percorra a pé as ruas e vielas da antiga vila medieval. Leia neste artigo a história de Alcácer do Sal (final do artigo) para que possa olhar e admirar os monumentos com outros olhos. Passe uma noite na cidade, almoce e jante em restaurantes tradicionais. Observe e fale com os locais.

TANQUE PÚBLICO EM ALCÁCER DO SAL
TANQUE PÚBLICO EM ALCÁCER DO SAL

ONDE FICA ALCÁCER DO SAL?

Apenas 59 minutos (de carro) separam Lisboa de Alcácer do Sal (92 quilómetros)!

O QUE VISITAR EM ALCÁCER DO SAL?

Alcácer do Sal é uma pequena cidade que conta com um interessante número de atrações turísticas. Para que possa planear o seu passeio preparámos um mapa que localiza os mais interessantes lugares da povoação.

O CASTELO

Construído no século XII no alto de uma colina. Ainda hoje resiste apesar de ter sido construído em taipa (é um dos pouquíssimos exemplares em taipa que resistiu à passagem do tempo).

CASTELO DE ALCÁCER DO SAL
CASTELO DE ALCÁCER DO SAL

PASSEIO RIBEIRINHO

Comece no largo de Camões (junto à velhinha ponte metálica basculante que data de 1945). Daqui poderá admirar o castelo no topo da cidade.

CASTELO DE ALCÁCER II

Siga junto ao rio na direção da ponte nova.

PASSEIO RIBEIRINHO ALCÁCER DO SAL
PASSEIO RIBEIRINHO

Ao longo do caminho admire o casario branco (à sua direita) e o largo onde fica situada a câmara municipal e a estátua do grande ilustre da região: o cosmógrafo Pedro Nunes.

 LARGO DE CAMÕES
LARGO DE CAMÕES

Uma vez chegado à ponte nova, entre na mesma e tire algumas fotografias aproveitando as diferentes perspetivas que a mesma lhe irá oferecer.

VISTA DA PONTE PEDONAL DE ALCÁCER DO SAL
VISTA DA PONTE PEDONAL DE ALCÁCER DO SAL

IGREJA DE SANTIAGO

Igreja matriz da cidade. Remonta ao século XVIII e tem um aspeto austero. O seu interior é revestido com painéis historiados de azulejos. No mês de Outubro do ano de 1500, celebrou-se nesta igreja o casamento de dom Manuel com a infanta D. Maria. Após a reconquista, dom Afonso II doa Alcácer do Sal à ordem de Santiago. Em 1573 foi erigido o convento de nossa senhora de Aracaeli. Entre 1990 e 1998 é feita uma obra de reconversação em pousada. Durante a obra foi descoberto um antigo fórum romano.

IGREJA DE SANTIAGO ALCACER DO SAL
IGREJA DE SANTIAGO

IGREJA DE SANTA MARIA DO CASTELO

Fica dentro das muralhas do castelo. Foi mandada construir pela ordem de Santiago, após a conquista da vila por dom Afonso II no século XII. A igreja foi erigida no lugar onde existia anteriormente uma mesquita e um templo pagão. Foi durante muito tempo o mais importante local de encontro da vila. As ações do governo foram, durante longo tempo (idade média), comunicadas no adro da igreja. É uma igreja bastante grande, com 3 naves e um púlpito (plataforma elevada utilizada por oradores) setencentista (ou seja, do século XVII). Conta também com uma talha dourada e revestimento de azulejos.

IGREJA DE SANTA MARIA DO CASTELO
IGREJA DE SANTA MARIA DO CASTELO

IGREJA DO CONVENTO E CAPELA DAS ONZE MIL VIRGENS

Foi um convento de freiras clarissas, entre 1573 e 1834 (ano da extinção das ordens religiosas). Foi construído em 1524 por dona Violante Henriques (reinado de dom João III).

IGREJA DO CONVENTO E CAPELA DAS ONZE MIL VIRGENS
IGREJA DO CONVENTO E CAPELA DAS ONZE MIL VIRGENS

A capela das onze mil virgens foi construída posteriormente. Tem um exterior pouco vistoso que esconde um dos mais espectaculares interiores renascentistas (a capela foi desenhada em 1550 pelo arquitecto António Rodrigues durante o reinado de Dom Sebastião). Uma obra-prima de mármore branco dentro do convento. A cúpula deixa entrar raios de sol que produzem um jogo de cores único no interior da capela.

CAPELA DAS 11 MIL VIRGENS ALCÁCER

A igreja e a capela só são visitáveis caso seja feito um pedido por email para: paroquiasdealcacer@gmail.com – caso pretenda contactar por telefone, o número é: 92 64 62 939

CAPELA DOS TESOUROS

À direita da igreja do convento encontra-se a Capela do Tesouro, uma bela construção que data do século XIII e que tem um pequeno santuário. Há ainda mais duas capelas: a de São Bartolomeu (construída por ordem de Garcia Peres em 1333) e a capela sepulcral de Maria de Resende onde encontrou descanso eterno o corpo de Diogo Pereira (século XV).   

capela dos tesouros Alcácer do sal
CAPELA DO TESOURO

IGREJA DA MISERICÓRDIA

A igreja da Misericórdia foi construída em 1547 (de acordo com a inscrição que se encontra numa das portas deste pequeno templo). É uma construção com influências Manuelinas, Barrocas e Maneiristas. Distingue-se das restantes por ter uma nave e uma capela mor na mesma área.

igreja da misericórdia Alcácer do Sal
IGREJA DA MISERICÓRDIA

Durante o século XIX, a igreja foi alvo de uma “renovação” bárbara que descaracterizou os seus traços originais. Os azulejos que decoravam as paredes ficaram reduzidos a metade e o resto da igreja foi “renovada” a estuque. Se visitar esta igreja não deixe de reparar com atenção no seu teto. Lá encontrará uma bela imagem pintada por Francisco Flamengo em 1895. A pintura ilustra 3 virtudes: a caridade, a fé e a esperança.

CRIPTA ARQUEOLÓGICA

São 27 séculos de história! Foi na década de 90, durante a conversação das ruínas do castelo em projeto turístico (pousada), que foi descoberta a cripta Arqueológica de Alcácer do Sal. Aqui poderá ver os vestígios das populações antigas da vila. Vestígios da idade do ferro (século VII AC), da ocupação islâmica e também do período de domínio romano.

CRIPTA ROMANA DE ALCÁCER DO SAL
CRIPTA ARQUEOLÓGICA

A cripta encontra-se no subsolo da fortaleza e do convento de nossa senhora de Aracaeli. Se decidir visitar Alcácer do Sal e se optar por ficar na pousada na Enatur, já sabe que dentro da pousada terá a oportunidade de fazer esta viagem histórica! Magnífico!

SUGESTÃO DE PERCURSO PEDESTRE EM ALCÁCER DO SAL

Andar a pé é a melhor (única?) forma de conhecer bem um local. Aqui fica uma sugestão de percurso pedestre que começa no largo Luís de Camões e que o fará passar pelo meio do centro histórico de Alcácer, com passagens pelo castelo (com a sua vista esplendorosa) e pela igreja de Santiago. Espero que goste!

O QUE VISITAR PERTO DE ALCÁCER DO SAL?

ESPAÇO MUSEOLÓGICO MUSEU DO ARROZ

O Museu do arroz foi criado para promover a orizicultura (cultivo do arroz) e também para preservar e difundir as tradições da região. É um espaço de cultura onde poderá fazer uma viagem no tempo (para o passado) e compreender o impacto que o arroz teve na história da Herdade da Comporta. O museu fica na antiga fábrica de descasque do arroz e foi criado em 1952. Lá encontrará também um restaurante muito famoso na região – o “Museu do Arroz”.

museu do arroz alcácer do sal
ESPAÇO MUSEOLÓGICO MUSEU DO ARROZ

Em redor da fábrica do arroz, existiam também outros pequenos negócios e oficinas. Aqui existia uma comunidade onde se podiam encontrar (entre outros): barbeiros, padarias, talhos, cantinas, igrejas e também as casas para os trabalhadores da herdade.

Até ao fim da década de 60, a Herdade era auto-suficiente e vivia isolada e fechada em si mesma.  

CAIS PALAFÍTICO DO PORTO DA CARRASQUEIRA

Uma obra prima da arte popular! Construído nas décadas de 50 e 60 com estacas toscas de madeira e de aspeto muito frágil. Sustentam o cais de apoio às embarcações de pesca. O cais tem algumas centenas de metros que permitem um passeio único, a observação de aves e de um magnífico pôr do sol. A visita da parte da manhã (quando o cais está praticamente deserto) é também uma ótima opção.

cais palafítico perto de Alcácer
CAIS PALAFÍTICO DO PORTO DA CARRASQUEIRA

O cais pode ser visitado em qualquer altura do ano. Fica um pouco afastado de Alcácer mas vale bem a viagem.

O cais continua a ser um importante ponto de atração turística da região. Ainda cumpre a função para a qual foi construído: dar acostagem aos barcos de pesca.

CASAS DE SANTA SUSANA

Uma aldeia de cores tipicamente Alentejanas (branco e azul) que não deixa ninguém indiferente. A arquitetura rural permanece muito presente nas ruas e casas da aldeia. As casas são todas muito semelhantes e as ruas têm também uma geometria muito precisa e regular. As casas têm mais de 100 anos e foram originalmente construídas para albergar trabalhadores do campo.

SANTA SUSANA
SANTA SUSANA

Os trabalhadores acabaram por se fixar nesta aldeia. Atualmente é uma importante atração turística da região. A sua manutenção e limpeza é uma preocupação permanente não apenas da autarquia como dos próprios moradores. Faz parte das localidades do Alentejo que pertencem à rede europeia Genuineland (turismo de aldeia).

PRAIA DA COMPORTA

É uma praia belíssima com um extenso areal (a menos de 30 minutos de Alcácer do Sal). Muito frequentada no Verão pelas classes mais altas da sociedade portuguesa (é a única coisa que não me agrada nesta praia…). Os acessos são muito bons e dispõem de um amplo espaço de estacionamento.

praia da comporta
PRAIA DA COMPORTA

Fica situada nos limites da Reserva natural do estuário do rio Sado, uma área preservada e “abraçada” por um pinhal. O mar é frio e a ondulação muitas vezes é bastante forte (cuidado com as crianças!). É uma boa opção para os amantes de kitesurf.

RESERVA NATURAL DO ESTUÁRIO DO TEJO

É no estuário do Tejo que o rio Sado desagua (depois de passar por Alcácer do Sal) no fim de uma viagem de 180 quilómetros que se inicia junto à cidade de Beja. Trata-se de um estuário enorme e protegido. Lá encontrará diversas espécies de aves e os famosos golfinhos que disputam o peixe com uma pequena comunidade de pescadores. Pinheiros, sobreiros e campos de arroz são parte integrante desta belíssima paisagem. Visitar o estuário do Tejo é também uma viagem histórica na medida em que lá encontrará as antigas bacias de sal que remontam a um passado muito distante.

RESERVA NATURAL DO ESTUÁRIO DO TEJO
RESERVA NATURAL DO ESTUÁRIO DO TEJO

BARRAGEM DO PEGO DO ALTAR

Um lugar belíssimo com paisagens fantásticas! Um sítio perfeito para descansar e relaxar. Fica perto da aldeia de Santa Susana (já anteriormente citada neste artigo). A Barragem do Pego do altar foi construída entre os anos de 1935 e 1950. Tem uma albufeira com quase 900 hectares. É uma obra prima da engenharia (reconhecida pela ordem dos engenheiros como tal!).

barragem do pego do altar
BARRAGEM DO PEGO DO ALTAR

PENÍNSULA DE TROIA

São 42 os minutos que separam a península de troia de Alcácer do Sal. Um esforço que será largamente compensado.

A Península de Troia é famosa pelos seus areais extensos e macios. Mas também pelas suas águas cristalinas e tranquilas (muito mais calmas do que o mar na Costa da Caparica).

PENINSULA DE TROIA
PENINSULA DE TROIA

É aqui que o rio Sado e o Oceano Atlântico se encontram. Um oásis com vista privilegiada para a Serra da Arrábida. Um lugar perfeito para passar um dia de praia e relaxar longe das multidões. Foi nos anos 60 do século passado que se iniciou a construção massiva de empreendimentos turísticos neste local. O projeto não vingou. Mais tarde nova tentativa foi feita desta vez com mais sucesso. Para além da praia lá encontrará oferta hoteleira, uma marina e um casino. A não perder!

PASSEIOS DE BARCO PELO RIO SADO

Se gosta de observar a natureza e de aprender mais sobre a fauna e flora desta região, então fique atento ao site do município de Alcácer do Sal. Durante os meses de verão é possível embarcar numa viagem que pode ser de meio dia ou dia inteiro. Se optar pela viagem de 1 dia, terá a oportunidade de atravessar o estuário do tejo e ira ancorar em Setúbal ou nas magníficas praias de Troia. Durante o percurso terá um guia que lhe ensinará tudo sobre a fauna e a flora que encontrará durante o trajeto. Caso tenha sorte, os golfinhos marcarão a sua presença e tornarão a sua experiência ainda mais inesquecível!

passeio de barco rio sado
PASSEIOS DE BARCO PELO RIO SADO

VIAGEM VIRTUAL A ALCÁCER DO SAL

QUANDO VISITAR ALCÁCER DO SAL?

Alcácer do Sal fica, em linha reta, a aproximadamente 30 quilómetros da costa. A referida distância é suficiente para que a cidade sofra alguns dias de calor extremo no verão (e também alguns dias de frio extremo no Inverno). Sugerimos que a visita seja feita em qualquer altura do ano com exceção dos meses de Julho e Agosto (para precaver o calor extremo que em alguns dias de Verão se faz sentir).

DE ONDE POSSO TER AS MELHORES VISTAS EM ALCÁCER DO SAL?

Junto à igreja de Santa Maria do Castelo (a primeira igreja cristã que se fez em Alcácer do Sal), tem uma vista magnifica sobre o rio Sado e sobre a zona ribeirinha da cidade.

ALCÁCER DO SAL
VISTA SOBRE ALCÁCER DO SAL

HOTÉIS EM ALCÁCER DO SAL

Se as suas finanças respiram saúde, recomendamos os seguintes alojamentos…

ALENTEJO’S NEST

As principais comodidades deste lugar são: piscina exterior, admissão de animais de estimação e estacionamento privativo. Tem um cotação de 9,3/10 no Booking.

POUSADA DO CASTELO DE ALCÁCER DO SAL

Tem uma classificação global de 8,5/10. Como já foi anteriormente referido neste artigo, esta pousada era o antigo castelo de Alcácer do Sal (com mais de 1000 anos). Foi remodelado e transformado na década de 90 numa pousada da Enatur. As vistas para a marginal e para o rio Sado são uma grande atracção. Parece ser muito apreciado por casais que avaliam a pousada com 9,1/10.

HOTEIS BARATOS EM ALCÁCER DO SAL

É possível encontrar soluções económicas, de muito razoável qualidade e com boa localização em Alcácer. Aqui ficam duas sugestões equilibradas (mas não luxuosas).

HOTEL CEGONHA

Mais de 400 reviews e uma classificação global de 8,3/10. Tem um localização muito central e fica a 20 minutos a pé da estação de comboios. Tem um buffet de pequeno almoço elogiado nas reviews. A admissão de animais é viável mediante pedido prévio. A 1 minuto do rio Sado. Os casais referem a localização do hotel cegonha como um dos seus pontos mais fortes.

HOTEL SALATIA

É provavelmente uma das opções mais baratas de Alcácer. Tem uma localização extraordinária (na marginal) que lhe confere uma vista magnífica para o Sado. Tem uma classificação geral global de 8/10. As reviews mencionam quartos simples com uma decoração básica, internet, televisão e produtos de higiene pessoal. Os casais parecem ter uma boa opinião do local provavelmente devido à vista romântica que a residencial oferece aos seus hóspedes.

GASTRONOMIA DE ALCÁCER DO SAL

Aqui ficam as nossas recomendações gastronómicas:

CARNE DE PORCO COM MIGAS

CARNE DE PORCO COM MIGAS

ARROZ DE LINGUEIRÃO

ARROZ DE LINGUEIRÃO ALCÁCER DO SAL
ARROZ DE LINGUEIRÃO

VITELA GUISADA

VITELA GUISADA ALCÁCER
VITELA GUISADA

RESTAURANTES EM ALCÁCER DO SAL

RESTAURANTE MOMENTO

Restaurante de 2 cifrões (num máximo de 3). Tem mais de 340 comentários no google e uma classificação global de 4,4 (num máximo de 5). Os elogios dos clientes concentram-se na qualidade dos petiscos e no ambiente acolhedor. É também um restaurante “amigo dos animais” como pode ver pela foto infra (outra razão para merecer a nossa visita!)

restaurante momento alcácer do sal
RESTAURANTE MOMENTO

HISTÓRIA DE ALCÁCER DO SAL

Alcácer do sal, junto ao rio Sado, foi um importante centro urbano e militar do território islâmico peninsular. O seu nome deriva do nome “Al-kasser” que, em árabe, significa castelo. Durante a ocupação romana, Alcácer foi um importante centro de Salinas (chamava-se Salácia) e chegou a ter a sua própria moeda. O seu rio (o Sado), nasce perto de Ourique e desagua no Atlântico perto de Setúbal. O seu estuário é muito rico em arrozais e salinas. O rio é a figura principal de Alcácer e durante mais de 1 milénio funcionou como estrada de entrada do Alentejo. Este permitiu a fixação de Fenícios, Gregos e Cartagineses. Foi a via que permitiu o escoamento de produtos agrícolas e de minérios do Alentejo para… Roma!

Durante a ocupação dos Mouros, a vila cresceu com a implantação dos estaleiros navais. Mesmo depois da reconquista, os muçulmanos continuaram a viver em Alcácer trabalhando em cerâmica, carpintaria e cesteiros. Instalaram-se no bairro da mouraria, a nascente do castelo e foram excelentes agricultores e artesãos. A gastronomia alentejana – os seus apurados temperos – ainda hoje têm influências que remontam ao tempo dos muçulmanos. O bairro da mouraria foi o primeiro bairro fora das muralhas e o principio do desenvolvimento da parte baixa e ribeirinha da povoação. Dom Afonso Henriques tentou conquistar (sem sucesso) Alcácer do Sal por duas vezes. Mas foi o seu neto, Dom Afonso II que conquistou a cidade no ano de 1217. A primeira construção “portuguesa” foi feita no séc. XIII, a igreja de Santa Maria do Castelo.

O MAIS ILUSTRE FILHO DA TERRA – PEDRO NUNES (MATEMÁTICO E COSMÓGRAFO)

Pedro Nunes nasceu em Alcácer do Sal no ano de 1502. Foi um importante matemático que teve o prestigiante cargo de cosmógrafo-mor numa época em que os descobrimentos assumiam uma enorme importância para Portugal. Pedro Nunes foi uma das grandes referências científicas da sua época. Contribuiu para o desenvolvimento da navegação e da cartografia. Inventou diversos instrumentos de medida como são exemplo o “anel náutico”, o “instrumento de sombras” e o “nónio”.

A POPULAÇÃO DE ALCÁCER DO SAL

EVOLUÇÃO DEMOGRÁFICA ALCÁCER DO SAL PLANET PORTUGAL
POPULAÇÃO DE ALCÁCER DO SAL

QUALIFICAÇÕES

A taxa de analfabetismo desceu de 20,3% (ano de 2001) para 13,1% em 2011. Em 2011 existiam em Alcácer do Sal 2.029 pessoas sem formação escolar. 4.450 tinham o primeiro ciclo do ensino básico e 1.858 tinham concluído o ensino secundário. 1.061 pessoas concluíram um curso superior.

SE GOSTOU DESTE ARTIGO, TAMBÉM VAI GOSTAR DE…

PORTO COVO
PORTO COVO (clique aqui)
vila nova de milfontes
VILA NOVA DE MILFONTES (clique aqui)